Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Autoestima: Parte 3

por Peças de Família, em 03.10.14
 

Ensinar a criança a expressar e gerir as suas emoções em muito auxilia no processo de construção de uma boa autoestima.

Primeiro, é fundamental que a criança identifique as diferentes emoções e, para tal, pode ajudá-la nomeando-as. Assim, quando perceber que o/a seu/sua filho(a) está zangado(a) diga-lhe: “Estás mesmo zangado(a)!”. Quando a criança estiver triste deverá dizer:” Parece-me que estás triste.”, de forma a que a criança faça a ligação do que está a sentir com a emoção correta.

É igualmente importante fazer a criança entender que ter sentimentos não é mau nem motivo de embaraço, muito pelo contrário, e que não deve ocultá-los nem reprimi-los, mas sim, vivenciá-los em toda a sua plenitude. Evite afirmações como: “Não estejas assim. Isso já passa”; “Não te pode estar a doer” ou “Não fiques triste”.
 
Valide os sentimentos e emoções da sua criança. Só assim, ela sentir-se segura e confiante para demonstrá-los e dominá-los de uma forma saudável e equilibrada.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.







Pesquisar

  Pesquisar no Blog